domingo, 3 de junho de 2012

HOQUEI PATINS


  Dragões goleiam Oliveirense e lideram campeonato

O FC Porto Império Bonança venceu este sábado a Oliveirense, por 12-5, na 28.a e antepenúltima jornada do campeonato nacional. Com este resultado, os Dragões chegam à liderança da Liga, com mais dois pontos do que o Benfica, que só joga esta noite, no rinque do Candelária.

Reinaldo Ventura, Pedro Gil, Suíssas e Caio bisaram, num encontro em que os Dragões encontraram a princípio dificuldades, arrancando depois para uma bela exibição e um resultado gordo, frente ao actual quarto classificado. Para a semana, há um desafio decisivo no terreno do Benfica.

Os forasteiros foram os primeiros a marcar, por intermédio de Vítor Hugo, aos três minutos, mas Gonçalo Suíssas empatou no minuto seguinte. O avançado da Oliveirense recolocaria a sua equipa em vantagem, aos 15 minutos, num momento em que o FC Porto sentia alguma dificuldade em parar os contra-ataques do adversário.

Numa exibição em crescendo, os Dragões foram aumentando a velocidade do seu jogo e realizaram uma ponta final de primeiro tempo imparável. Reinaldo Ventura, na recarga a um penálti, fez o 2-2, aos 18 minutos. Três minutos depois, de ângulo quase impossível, Pedro Gil colocou pela primeira vez os azuis e brancos em vantagem.

Antes do intervalo, e já depois de Reinaldo Ventura desperdiçar uma grande penalidade, o FC Porto haveria de marcar mais dois golos, em duas recargas oportunas. A primeira por Nelson Pereira, aos 22 minutos, quando a Oliveirense ainda estava reduzida a quatro unidades; a segunda por Caio, aos 25, após lance de Pedro Gil. Edo Bosch ainda defendeu um penálti de Tó Silva e, ao intervalo, os Dragões venciam por 5-2.

Já na segunda parte, Caio voltou a marcar, aos 28 minutos, a passe de Suíssas, numa finalização fácil. Reinaldo fez o 7-2, aos 30, e facturaram ainda Suíssas (36), Pedro Gil (40, de livre directo), Tiago Silva (40), Pedro Moreira (43) e Filipe Santos (44, penálti). Pela Oliveirense, marcaram Diogo Silva (31), Ricardo (37) e André Azevedo (44).

Destaque para as exibições de Pedro Gil, que "partiu a louça", em especial na segunda parte, e do guarda-redes Edo Bosch, que nesta etapa complementar ainda defendeu mais dois penáltis e um livre directo.

A equipa treinada por Tó Neves alinhou com Edo Bosch (g.r.), Pedro Moreira (1), Caio (2), Pedro Gil (2) e Gonçalo Suíssas (2). Jogaram ainda: Reinaldo Ventura (2), Nelson Pereira (1), Tiago Santos (1), Filipe Santos (cap., 1) e Nelson Filipe (g.r.).

Sem comentários:

Enviar um comentário