segunda-feira, 26 de março de 2012

Academica de Braga - FC Porto


Dragões suaram para vencer em Braga

O FC Porto Vitalis foi a Braga superar o ABC por 27-26 e segue na liderança do Andebol 1, agora com sete pontos de vantagem (e mais um jogo). Os Dragões sentiram bastantes dificuldades para lidar com o ataque adversário e até saíram para o intervalo em desvantagem, mas, no período final, sobressaiu a qualidade azul e branca.

Para o triunfo muito contribuíram as exibições de Gilberto Duarte, com sete golos apontados, e de Wilson Davyes e Ricardo Moreira, com seis golos cada. Hugo Laurentino não ficou atrás e, para manter a estatística de guarda-redes mais eficaz da prova, travou nove remates.

É justo dizer que o ABC cumpriu com a promessa de complicar a vida aos campeões nacionais, como provam os números ao intervalo, quando o marcador assinalava 17-15 a favor dos bracarenses. Ainda assim, os azuis e brancos arrancaram melhor e, aos 12 minutos e meio, venciam por 8-4. Essa acabou por ser, de resto, a maior vantagem registada por qualquer uma das equipas em toda a partida.

O intervalo foi precioso, já que permitiu ao técnico corrigir alguns aspectos para uma ponta final muito forte. O ABC continuou a responder à altura mas o FC Porto fez tudo o que devia, e podia, para chegar à dianteira e conseguiu-o aos 42 minutos (21-20). Do minuto seguinte (22-21) até ao apito final, manteve-se no comando do marcador, apesar da margem nunca ter ultrapassado os dois golos. Foi por isso uma vitória difícil, mas fundamental para o objectivo do tetracampeonato.

O FC Porto Vitalis alinhou e marcou da seguinte forma: Hugo Laurentino e Alfredo Quintana (g.r.), Gilberto Duarte (7), Wilson Davyes (6), Tiago Rocha (4), Elias Nogueira, Ricardo Moreira (6), Nenad Malencic (3), Ricardo Costa, Filipe Mota, Daymaro Salina e Dario Andrade (1).

Sem comentários:

Enviar um comentário