sábado, 14 de abril de 2012

BASQUETEBOL - FC Porto - Guimaarães 1º jogo




Regularmente superiores

Nada mais natural do que os playoffs abrirem com um triunfo do vencedor da fase regular. No Dragão, ao primeiro jogo dos quartos-de-final, o campeão derrotou o Vitória. Por números esclarecedores (77-59) e com Rob Johnson a somar a condição de MVP à de melhor marcador da partida. Domingo há mais. No mesmo local, às 18h30 e com os mesmo intérpretes.

A intensidade defensiva, princípio comum ao jogo das duas equipas, decifra, em parte, o ritmo lento do marcador, que ao intervalo apresentava um resultado curto (31-24), capaz de caber, sem grandes problemas de espaço, num só período. A anormal sequência de disparates debaixo do cesto contribuiu com a explicação restante.

Com o Vitória na frente desde o começo, João Soares produziu a primeira situação de vantagem portista (13-11) com menos de dois minutos para jogar no primeiro quarto e o equilíbrio só foi quebrado por dois triplos consecutivos de Carlos Andrade, convertidos nos últimos 30 segundos da primeira parte.

Sobre os sete pontos de vantagem (31-24) com que reentrou na partida, o campeão compôs uma margem de segurança, que, oscilando entre a dezena e as duas dezenas de pontos, o manteve a salvo de todas as tentativas de recuperação, dos quatro triplos convertidos pelo Vitória no último período e da irritação da Brian Morris, excluído à segunda falta anti-desportiva.

No final, Rob Johnson e Paulo Cunha dividiram a condição de MVP, com o norte-americano dos Dragões a gastar menos 11 minutos de utilização para atingir os 22,5 pontos de valorização e acumulando a vantagem de ter somado mais 6 pontos do que o adversário, que lhe permitiu distinguir-se como o melhor marcador, com 19 pontos.

FICHA DE JOGO

Liga, playoffs, quartos-de-final, jogo 1
13 de Abril de 2012
Dragão Caixa, no Porto
Assistência: 632 espectadores

Árbitro principal: Luís Lopes
Árbitros auxiliares: Nuno Monteiro e Jorge Cabral

FC PORTO FERPINTA (77): Reggie Jackson (8), Carlos Andrade (15), João Santos (2), Greg Stempin (12) e Rob Johnson (19); José Costa (5), João Soares (4), Miguel Miranda (7), David Gomes (3), Diogo Correia (2)
Treinador: Moncho López

VITÓRIA DE GUIMARÃES (59): Julian Blanks (11), Rui Mota (12), Maris Gulbis (7), Paulo Cunha (13) e Brian Morris (10); André Bessa (6), João Torrié (0)
Treinador: Fernando Sá

Ao intervalo: 31-24
Por períodos: 15-15, 16-9, 20-13 e 26-22

Sem comentários:

Enviar um comentário