quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

RESULTADOS

ANDEBOL


Mais um teste à barreira dos 50


Quatro dias depois da vitória esmagadora sobre o Belenenses (29-48), o FC Porto Vitalis voltou a fazer a abordagem à meia centena de golos, vencendo, esta noite (quarta-feira), o Xico Andebol por 25-46, em jogo da 17.ª jornada do Andebol 1, disputado em Guimarães, de onde saiu ainda mais líder, cerca de uma hora depois do empate do Águas Santas em Belém (30-30).Os Dragões, que venciam por 11-21 ao intervalo, tiveram em Tiago Rocha e Daymaro Salina os elementos mais produtivos, com os dois portistas a dividirem a condição de melhor marcador da partida, depois de os pivôs português e cubano terem apontado oito golos cada.Os restantes golos dos azuis e brancos foram da autoria de Gilberto Duarte (5), Vasco Santos (1), Ricardo Costa (5), Filipe Mota (3), Pedro Spínola (4), Elias António (3), Sérgio Rola (3), Nenad Malencic (5) e Duarte Carregueiro (1).Com a conjugação dos resultados desta noite, o FC Porto Vitalis, que soma 47 pontos, alargou para dois a vantagem para o Águas Santas, que ocupa a segunda posição.



HOQUEI PATINS



Dragões só sabem vencer

O FC Porto Império Bonança mantém o registo 100 por cento vitorioso na época 2011/12, depois de vencer esta quarta-feira por 10-2, no terreno do Infante de Sagres, em jogo da nona jornada do campeonato nacional. Cumprida na íntegra esta ronda, os Dragões recuperam a liderança que tinham circunstancialmente perdido, por menos de 24 horas.Com três golos, Gonçalo Suíssas foi o melhor marcador da partida que encerrou o ano competitivo dos Dragões. Reinaldo Ventura e Filipe Santos “bisaram”, com Pedro Moreira, Pedro Gil e Filipe Santos a apontarem os restantes tentos. Ao intervalo, os azuis e brancos venciam por 3-1.O FC Porto tem agora 27 pontos, mais dois do que o Benfica, segundo classificado.A equipa orientada por Tó Neves alinhou e marcou: Edo Bosch (g.r.), Pedro Moreira (1), Reinaldo Ventura (2), Pedro Gil (1) e Gonçalo Suíssas (3). Jogaram ainda: e Nélson Filipe (g.r.), Filipe Santos (2), Caio, Nélson Pereira e Tiago Santos (1).

Sem comentários:

Enviar um comentário