domingo, 18 de dezembro de 2011



Outra vez na frente


Além de um número considerável de quilómetros, o campeão somou a segunda vitória em três dias, ao vencer este domingo no Barreiro (58-68). O encontro, da 11.ª jornada, foi o quarto de seis consecutivos a jogar fora. Até ao regresso ao Dragão, os azuis e brancos, que voltam a dividir a liderança com o Benfica (perdeu com o Lusitânia), têm ainda de cumprir escalas em Coimbra e Guimarães.Depois de derrotar, menos de 48 horas antes, o CAB Madeira, que não perdia no Funchal há quase dois meses, o FC Porto Ferpinta foi incapaz de disfarçar, frente ao Barreirense, o desgaste provocado pelo cúmulo competitivo e expedicionário, que mantém os Dragões “na estrada”, no cumprimento de um calendário bizarro que quase não proporciona tempo de treino e, muito menos, de repouso.A actuação azul e branca foi, por isso, marcada por oscilações frequentes e alguns “disparates” que só a fadiga explica. A soma de factores, claramente desfavorável perante um adversário que já tinha actuado em casa na véspera, provocou, inclusive, uma ténue desvantagem ao intervalo (32-31), anulada e amplamente revertida com o parcial de 7-27 que sentenciou a partida ao final do terceiro período.Carlos Andrade foi o MVP da partida, somando 11 pontos, 9 ressaltos e 6 assistências, com um registo determinante na fase de recuperação portista que superou o duplo-duplo de Greg Stempin, com 10 pontos e 12 ressaltos.Até ao reencontro com os adeptos, marcado para 28 de Janeiro e com o Lusitânia por adversário, o FC Porto Ferpinta completa os dois meses e dois dias de jogos “on the road” com as deslocações aos terrenos da Académica e do Vitória de Guimarães. Passa, entretanto, o ano a repartir o comando e apresentando o melhor ataque (930) e a melhor defesa (720) da competição.

FICHA DE JOGO

Campeonato da Liga, 11.ª jornada 18 de Dezembro de 2011

Pavilhão Municipal Luís Carvalho, no Barreiro

Árbitro principal: Sérgio SilvaÁrbitros auxiliares: José Abreu e Ricardo Severino

BARREIRENSE (58): José Silva (16), David Jackson (7), Pedro Pinto (4), Miguel Queirós (2) e Anthony Hill (19); João Guerreiro (5), João Fernandes (2), Tiago Raimundo (3)

Treinador: António Herrera

FC PORTO FERPINTA (68): Reggie Jackson (10), Carlos Andrade (11), João Santos (7), Greg Stempin (10) e David Gomes (6); João Soares (5), Nuno Marçal (0), Miguel Miranda (6), Rob Johnson (5), Miguel Maria (0), José Costa (8), Diogo Correia (0)

Treinador: Moncho López

Ao intervalo: 32-31

Por períodos: 12-17, 20-14, 7-27 e 19-10

Sem comentários:

Enviar um comentário