segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

EMÍDIO PINTO



A última corrida de Emídio Pinto


Emídio Pinto faleceu este sábado, véspera de Natal, aos 79 anos, em Vila Nova de Gaia, vítima de morte súbita. Lenda portista, a história da “velha raposa”, nome pelo qual era conhecido no meio do ciclismo, confunde-se com a própria história da Volta a Portugal. Depois de 11 participações na mais importante prova velocipédica nacional, Emídio Pinto mantinha-se ligado à modalidade na qualidade de director desportivo desde 1964. Foi nessa condição, aliás, que se tornou um nome incontornável no historial de sucesso azul e branco.Emídio Pinto começou no FC Porto como director-desportivo adjunto, ao lado de Franklim Cardoso e de Onofre Tavares. Em 1981, conseguiu o êxito mais retumbante de toda a sua carreira, ao levar o então desconhecido Manuel Zeferino à vitória no “Tour” português.

Sem comentários:

Enviar um comentário