sábado, 17 de março de 2012

BASQUETEBOL - TAÇA DE PORTUGAL


Dragões na final da Taça

O FC Porto Ferpinta está na final da Taça de Portugal após uma enorme vitória sobre o Benfica (66-62). Os Dragões saíram em desvantagem dos três primeiros parciais mas nunca deram grande margem ao adversário e aproveitaram para se superiorizar no quarto e último período de jogo.

A tarde parecia começar bem para o FC Porto quando Rob Johnson fez o primeiro cesto da partida, mas o Benfica rapidamente tomou a dianteira no marcador devido às constantes falhas ofensivas da equipa azul e branca, o que redundou num resultado de 15-21 no final dos primeiros dez minutos.

A falta de eficácia, personalizada nos curtos 34% de lançamentos concretizados, continuou a castigar os Dragões por mais algum tempo, enquanto ao rival tudo parecia correr bem. Greg Stempin, reconhecidamente um finalizador de qualidade, era o rosto da infelicidade portista ao intervalo: tinha apenas um ponto, fruto de inúmeras bolas no aro.

O reatamento foi amigo e conselheiro do FC Porto e permitiu aos atletas de Moncho López ganharem terreno ao adversário: o terceiro parcial fechou nos 47-48 a favor do Benfica, mas já aí se notava que a postura do cinco azul e branco estava fortalecida e ia recuperar a sorte que merecia por direito próprio.

No momento de todas as decisões, a qualidade, a garra e a crença dos Dragões aliou-se ao forte apoio do público afecto ao FC Porto: entre bola cá e bola lá, o que deixou o Pavilhão Municipal de Fafe com um ambiente electrizante, o FC Porto passou para a frente da partida e viu Rob Johnson (19 pontos e sete ressaltos), Carlos Andrade (13 pontos) e Reggie Jackson (12 pontos) destacarem-se entre os melhores.

Johnson foi mesmo considerado o MVP desta meia-final, não só pelos pontos marcados mas também pelo espectacular ressalto que permitiu ao campeão nacional garantir a posse de bola numa fase crucial do jogo: a menos de dez segundos do fim, com um ponto a separar as duas formações, o norte-americano travou um lance ofensivo dos lisboetas e permitiu ao FC Porto ampliar a vantagem, segurando, definitivamente, uma vitória mais do que merecida: justa.

O FC Porto Ferpinta defronta este domingo, no jogo decisivo, a Académica, que bateu o Sampaense (67-65).

Sem comentários:

Enviar um comentário