domingo, 20 de maio de 2012

ANDEBOL - ultimo jogo da fase final FC Porto - Sporting 36-26





O brilho dos mais fortes
Numa jornada de festa, em que o resultado apenas importava para a equipa forasteira, os Dragões não deixaram de mostrar a sua raça. Na última jornada daquela que será conhecida como a época do "tetra", o FC Porto Vitalis "esmagou" o Sporting, vencendo por 36-26. Entre a primeira fase e a fase final, os azuis e brancos apontaram 999 golos. Notável.
No "sete" inicial, sublinhe-se a inclusão simbólica de Eduardo Filipe e Ricardo Costa. Os dois atletas, que prestaram (e vão continuar a prestar, noutras funções) grandes serviços ao FC Porto, foram substituídos pouco depois de se ter cumprido um minuto de jogo, recebendo uma ovação em pé do público presente no Dragão Caixa.
O encontro começou a desequilibrar-se para os Dragões a partir dos 20 minutos. Os lisboetas, que até estiveram a vencer por três tentos aos dez minutos, perderam a carruagem do jogo e não mais foram capazes de a apanhar. Se, aos 20 minutos, o marcador assinalava um empate (9-9), ao intervalo a vantagem portista era já de cinco golos (16-11).
A eficácia na primeira linha (oito golos em 12 remates) e o elevado número de contra-ataques (nove, que resultaram em seis golos) levaram os portistas à liderança e, no segundo tempo, foi especialmente este segundo item a permitir aos Dragões aumentar a vantagem, que chegou a ser de 13 golos.
Na verdade, a segunda parte foi um autêntico festival de contra-ataque do FC Porto, perante um Sporting que baixou os braços. No total, os portistas fizeram 17 tentos desta forma, em 22 remates tentados. Houve ainda tempo para belas jogadas de andebol, nomeadamente lances aéreos e até uma fantástica “rosca” de Elias Nogueira, já perto do final da partida. Gilberto Duarte foi o melhor marcador, com nove golos.
Mesmo em festa, a superioridade portista foi inquestionável, como o foi ao longo de toda a prova. O andebol azul e branco não tem par em Portugal.
FICHA DE JOGO
FC Porto Vitalis-Sporting, 36-26

Andebol 1, fase final, décima jornada
19 de Maio de 2012
Dragão Caixa, no Porto
Assistência: 1.404 espectadores
Árbitros: Bruno Rodrigues e Carlos Capela
FC PORTO VITALIS: Hugo Laurentino (g.r.) e Alfredo Quintana (g.r.); Eduardo Filipe, Ricardo Costa, Tiago Rocha (2), Dario Andrade (1), Wilson Davyes (3), Nenad Malencic (5), Gilberto Duarte (9), Filipe Mota (5), Ricardo Moreira (cap., 5), Elias Nogueira (1), Daymaro Salina (4) e Vasco Santos (1)
Treinador: Ljubomir Obradovic
SPORTING: Hugo Figueira (g.r.); Frankis Carol, Pedro Portela (2), Bruno Moreira (8), Ricardo Dias (1), João Pinto (6), Fábio Magalhães (2), Rui Silva (5), Hugo Rocha, João Paulo Pinto (2), Sérgio Barros e Yailan del Sol
Treinador: Branislav Pokrajac
Ao intervalo: 16-11

Sem comentários:

Enviar um comentário