domingo, 1 de abril de 2012

ANDEBOL - FC Porto - Sporting 25-26


Dragões perdem final da Taça

O FC Porto Vitalis perdeu este domingo a hipótese de conquistar a sua oitava Taça de Portugal, ao perder na final, frente ao Sporting, por um golo de diferença (26-25). O jogo, disputado em Tavira, foi extremamente equilibrado e os azuis e brancos estiveram na luta até à última posse de bola, com um remate de Pedro Spínola a ser defendido por Hugo Figueira.

O equilíbrio foi a nota dominante da primeira parte, se bem que os Dragões tenham estado a vencer por três tentos (8-5). O resultado ao intervalo (13-13) pressagiava um encontro disputado até ao fim e em que os detalhes se revelariam fundamentais. O Sporting teve do seu lado o factor sorte, ao apontar três ou quatro golos na sequência de ressaltos, após defesas de Hugo Laurentino.

Os lisboetas abusaram ainda da agressividade, de que é exemplo o lance da desqualificação de João Pinto e as sete exclusões averbadas (contra três do FC Porto). Ainda assim, é justo dizer que o adversário preparou bem o jogo, usou as suas armas e aproveitou uma menor rendimento das principais unidades portistas no ataque. Wilson Davyes foi o mais inspirado nesse capítulo, com cinco golos de primeira linha, todos na segunda parte.

O FC Porto comandou quase sempre o marcador entre os 30 e os 45 minutos, mas o Sporting passou para a frente aos 47 (22-21) e a partir daí o máximo que o FC Porto conseguiu foi empatar. A última dessas situações ocorreu a dois minutos do apito final (25-25), graças a um golo de Wilson Davyes. No ataque seguinte, Pedro Solha pôs o Sporting em vantagem, quando os azuis e brancos estavam reduzidos a seis elementos, por exclusão de Daymaro Salina.

No último ataque – com Gilberto Duarte no lugar de guarda-redes avançado, para que o FC Porto pudesse atacar com seis jogadores –, o remate de Pedro Spínola foi detido pelo guardião Hugo Figueira, que terá feito uma das melhores exibições da sua carreira. O FC Porto volta a não vencer a Taça, uma competição em que tem sido manifestamente infeliz nos momentos decisivos.

FICHA DE JOGO

Sporting-FC Porto Vitalis, 26-25
Taça de Portugal, final
1 de Abril de 2012
Pavilhão Municipal de Tavira

Árbitros: Mário Coutinho e Ramiro Silva (Aveiro)

SPORTING: Hugo Figueira e Ricardo Correia (g.r.); Bruno Moreira (3), Pedro Solha (7), Ricardo Dias (1), João Pinto (3), Daniel Muresan (5), Fábio Magalhães, Rui Silva (6), Frankis Carol (1) e Pedro Portela
Treinador: Branislav Pokrajac

FC PORTO VITALIS: Hugo Laurentino e Alfredo Quintana (g.r.); Gilberto Duarte (3), Pedro Spínola (5), Tiago Rocha (2), Ricardo Moreira (5), Elias Nogueira (2), Wilson Davyes (5), Daymaro Salina (1), Ricardo Costa, Filipe Mota (1), Dario Andrade (1) e Nenad Malencic
Treinador: Ljubomir Obradovic

Ao intervalo: 13-13
Disciplina: cartão vermelho para João Pinto (49m)

Sem comentários:

Enviar um comentário